QUERO RECEBER NOTÍCIAS

Preencha os campos abaixo e cadastre-se para receber notícias em seu email:
CADASTRE-SE
Rádio Santa Cruz Rádio Santa Cruz Ao Vivo - Ouça a Rádio Santa Cruz AM
Atendimento ao ouvinte: 37 3232 1588

Pará de Minas em destaque

Motorista da Prefeitura denuncia transporte de marmita em veículo da saúde. Ambulância também estava sem cinto de segurança

09/02/2018

Há 0 comentários para essa notícia.

Highslide JS

O Conselho Municipal de Saúde está cobrando explicações da Prefeitura de Pará de Minas sobre as denúncias feitas por um servidor público através das redes sociais. Ele usou de uma câmera de celular para filmar o que considera falhas graves no setor.

Depois de analisar as imagens o Conselho de Saúde, através de seu presidente Flávio Medina, encaminhou ofício ao secretário da pasta, Paulo Duarte, e aguarda posicionamento oficial do mesmo. O motorista abre as denúncias dizendo que sua função sempre foi a de transportar pacientes para Belo Horizonte, mas ele foi transferido para outro setor e agora leva marmitas que saem do Hospital Nossa Senhora da Conceição e vão para a UPA 24H.

Caixas de leite também foram flagradas numa ambulância e o denunciante pergunta o motivo da falta de ação da Vigilância Sanitária. Ele também filmou a ausência do cinto de segurança em um dos veículos, dizendo que os pacientes estavam sendo “amarrados” com uma faixa branca que, além de suja, estaria infectada.

O secretário Paulo Duarte ainda não respondeu ao Conselho de Saúde, mas já se sabe que ele viu as imagens e tem rebatido as denúncias com vários argumentos. Quanto ao transporte de marmitas em um veículo, ele vai informar ao Conselho que, de fato, a comida está sendo preparada na cozinha do Hospital Nossa Senhora da Conceição através de um projeto piloto, para economizar despesas.

Na verdade, a Secretaria Municipal de Saúde está comprando as marmitas do hospital para servi-las na UPA, nas unidades do CAPS AD e também no Cersam. Mas a comida é transportada em veículo da área administrativa, sem qualquer risco de contaminação. Quanto à ausência do cinto de segurança na ambulância, o secretário admite o erro e já determinou a troca.

Reconheceu também o sucateamento da frota da saúde, dizendo que isso é resultado da falta de critério e de cuidados de gestões anteriores. A frota, segundo Paulo Duarte, tem veículos com mais de 400.000 km rodados que, inclusive, estão gerando alto custo de manutenção, mas falta dinheiro para a renovação geral.

A situação deve melhorar em breve já que a Prefeitura está em processo final para compra de uma Ducato. O município também deve receber em breve mais um veículo novo, que está sendo conseguido pelo deputado Inácio Franco. A expectativa do secretário é que outras melhorias cheguem ao setor.



Há 0 comentários. Comente essa notícia.


Veja também



 1 2 3 4 5 6 Fim




Seja o primeiro a comentar

Escreva as letras correspondentes à imagem abaixo:

Rádio Santa Cruz AM
Avenida Presidente Vargas, 372 - Pará de Minas - MG - Brasil
Fone: (37) 3232-1588 - Email: comercial@santacruzam.com
Agência Treis © Copyright - 2011 - Todos os direitos reservados - Atualizações Rádio Santa Cruz AM. Desenvolvido por: